direito de visitas

Aqui você encontra pais e profissionais conversando, trocando experiências e dando informações sobre a Guarda Compartilhada e paternidade.

Se você tem alguma dúvida específica sobre questões jurídicas, antes consulte os inúmeros textos no site PaiLegal, no forum LEITURAS SUGERIDAS POR PAIS e em Perguntas Mais Frequentes.

Registre-se para poder escrever esse forum (serviço gratúito).

Moderadores: srvilelabr, dan.ogando, paulohabl

direito de visitas

Mensagempor rogerio michelini » Dom Jul 29, 2007 5:03 pm

Boa Tarde!

Tenho uma filha de 5 anos e meio qdo registrei a menina já não vivia maritalmente com a mãe.
Nesta ocasião o juiz determinou as visitas,como a mãe queria que fosse ver a menina somente sobre sua vigilância não o fiz pois ela não se conforma com o fim do relacionamento e criava trantornos em cada visita.
A 6 meses venho pegando a menina a cada quinzena e trazendo ao meu convivio .No ultimo finalde semana que busquei a mãe armou uma cilada e ficou observando com quem iria busca-la, como estavamos indo a uma festa ,minha atual esposa e meus enteados estavam no carro.
Apartir de então ela não me deixa pegar a criança e nem aceita o valor da pensão.
Estou desesperado pois temo que o juiz me tire esse direito
O que devo fazer?

Rogério
rogerio michelini
 
Mensagens: 1
Registrado em: Dom Jul 29, 2007 4:23 pm

por » Seg Jul 30, 2007 9:25 am

 

Mensagempor neliaf_freitas » Seg Jul 30, 2007 9:25 am

Deposite o valor da pensão na conta dela, caso não tenha acesso aos dados, deposite em juízo.
Você não poderia pegar a menina na escola e devolve-la na segunda na escola tambem? Assim evita o estres do encontro com a mãe, se não é possível, tente alterar o sistema de visitas pra pega-la na sexta na escola e devolve-la na segunda.
neliaf_freitas
Participante Especial
 
Mensagens: 1606
Registrado em: Seg Ago 02, 2004 8:21 am
Localização: Brasília

Mensagempor robspalermo » Dom Ago 05, 2007 9:20 am

Comunique ao juiz que a mãe não está cumprindo o combinado de convivência. Ela não pode impedí-lo de levar criança junto com a madrasta. Roberta
Roberta Palermo
robspalermo
Participante Especial
 
Mensagens: 991
Registrado em: Qua Dez 11, 2002 8:49 pm

MESMA SITUACAO

Mensagempor murilopn » Seg Ago 06, 2007 10:32 pm

ola, estou passando pela mesma situação, a mae da minha filha nunca autorizou eu pegar a minha filha porque sabe que eu tenho uma noiva e que vivemos juntos. Ela sempre fez um inferno da minha vida até que fomos a juizo, ela tentou na audiencia usar o argumento de que eu tinha problemas com bebidas e drogas e que nao queria que eu tivesse o direito de visita o qual foi negado pelo juiz. O que acontece é que apos 2as visitas com intervalo de 15dias entre elas ela agora me proibe de buscar minha filha alegando que eu abusei sexualmente da mesma... Ela nao tem mais para onde correr e agora ela esta jogando sujo... Ja registrei um boletin de ocorrencia de Injuria, e estou a processando alem de ter dado entrada na segunda vara da familia referente as visitas. Se alguem ja passou por alguma situacao extrema destas ou conhece alguem que passou por isso eu preciso de conselhos o quanto antes... grato....
murilopn
 
Mensagens: 2
Registrado em: Seg Ago 06, 2007 10:15 pm

Re: MESMA SITUACAO

Mensagempor robspalermo » Ter Ago 07, 2007 9:45 am

Murilo, venha conversar com a Ró, uma madrasta do fórum das madrastas. O marido dela passou por isso, ainda passa: www.madrasta.hpg.com.br e clique no botão fórum
Roberta
Roberta Palermo
robspalermo
Participante Especial
 
Mensagens: 991
Registrado em: Qua Dez 11, 2002 8:49 pm

Direito de Visitas

Mensagempor C. Monteiro » Ter Ago 07, 2007 10:13 pm

Rogério,
Parece que sua ex-mulher está querendo brigar. Muitas pessoas quando se separam continuam "casadas" através de brigas, como uma forma de manter algum relacionamento.
Sua ex-mulher armou uma "cilada"? Mas qual seria o problema de sua filha conviver com sua esposa atual?
Bem, para começar, ela não pode te impedir de ver sua filha, nem impor condições descabidas para que isso aconteça.
Aqui vai uma dica: se envolva o mínimo possível na briga com sua ex-mulher. Brigas alimentam a sede de "vingança" de sua ex e atingem sua filha em cheio! As crianças costumam sofrer muito com essas brigas entre os pais, pois se sentem pressionadas a serem leais com um ou com outro.
Boa sorte!
Camila Monteiro
C. Monteiro
 
Mensagens: 6
Registrado em: Ter Ago 07, 2007 9:23 pm
Localização: Rio de Janeiro

Direito de Visitas

Mensagempor C. Monteiro » Ter Ago 07, 2007 10:14 pm

Rogério,
Parece que sua ex-mulher está querendo brigar. Muitas pessoas quando se separam continuam "casadas" através de brigas, como uma forma de manter algum relacionamento.
Sua ex-mulher armou uma "cilada"? Mas qual seria o problema de sua filha conviver com sua esposa atual?
Bem, para começar, ela não pode te impedir de ver sua filha, nem impor condições descabidas para que isso aconteça.
Aqui vai uma dica: se envolva o mínimo possível na briga com sua ex-mulher. Brigas alimentam a sede de "vingança" de sua ex e atingem sua filha em cheio! As crianças costumam sofrer muito com essas brigas entre os pais, pois se sentem pressionadas a serem leais com um ou com outro.
Boa sorte!
Camila Monteiro
C. Monteiro
 
Mensagens: 6
Registrado em: Ter Ago 07, 2007 9:23 pm
Localização: Rio de Janeiro

Para Murilo

Mensagempor C. Monteiro » Ter Ago 07, 2007 10:28 pm

Murilo,
Acho que o que escrevi para o Rogério sobre brigas, também se ajusta ao seu caso. Diante de sua situação, penso que sua ex-mulher está se importando muito pouco com a saúde emocional da sua filha. Acusar um pai de abuso sexual é algo muito, muito grave. Em todos os âmbitos. Mas creio que o maior dano ocorre no seu relacionamento com sua filha. Não sei se sua filha está sabendo desta acusação, mesmo se não souber diretamente, essas informações podem chegar a ela de forma indireta e truncada. Realmente, é uma situação muito traumatizante para uma criança.
Boa sorte,
Camila Monteiro
C. Monteiro
 
Mensagens: 6
Registrado em: Ter Ago 07, 2007 9:23 pm
Localização: Rio de Janeiro

Direito de visistas

Mensagempor Elpídio » Qui Ago 09, 2007 6:17 pm

Caro Rogério, boa tarde.
Tudo já começa errado quando nós aceitamos o termo "visita". Pai não pode ser visita. Pai e filhos têm que ter convivência.
Na minha sepração, debati com a juíza por causa dessa palavra e fiz valer meu direito de ter colocado no despacho a palavra convivência. Mas só ficou no despacho, pois na verdade não convivo com meu filho que vive a quase 2 mil km.
Você está no caminho certo ao buscar direito na vara de família. Continue por aí e registre BO por todas atitudes absurdas que sua ex tomar.
Peça na justiça os seus direitos de conviver com sua filha e não faça por menos, busque regularizar por definitivo sua situação com relação a sua filha e sua ex.
Que tenhas sorte.
Abraços
Elpídio
Elpídio
Participante Atuante
 
Mensagens: 723
Registrado em: Qua Nov 08, 2006 10:45 am
Localização: Vila Velha E.S.

Mensagempor ichiban » Qui Ago 09, 2007 6:28 pm

O que acontece com esses BOs? Isso vira algum procedimento legal?
ichiban
 

Direito de visistas

Mensagempor Elpídio » Sex Ago 10, 2007 10:11 am

Ichiban, bom dia.
Os BOs servem para quando formos à vara de família para provar que a ex praticou atos ilegais. São provas desses atos.
Caso precisemos de testemunhas, vocês sabem como é. Dificilmente alguém se dispoe a depor, tendo BO temos provas.
Abraços
Elpídio
Elpídio
Participante Atuante
 
Mensagens: 723
Registrado em: Qua Nov 08, 2006 10:45 am
Localização: Vila Velha E.S.

Mensagempor fer_nanda » Sáb Ago 25, 2007 1:18 am

Boa noite srs,

Existe algum tipo de restrição neste registro de BO? Por exemplo, meu pai tem intimação para ficar com os filos finais de semana alternados porém nunca conseguiu pegar as crianças (os detentores da guarda nao deixarem). Em um dos casos fomos a delegacia q o q ouvimos foi q este tipo de registro a policia nao tem autorização para fazer. (no minimo estranho).
Saberiam se existe alguma restrição para estes BOS?

Fernanda
fer_nanda
 
Mensagens: 4
Registrado em: Dom Mar 04, 2007 7:22 am

Direito de visistas

Mensagempor Elpídio » Seg Ago 27, 2007 10:12 am

Bom dia Fernanda,
As delegacias têm obrigação de registrar o BO, se não o fazem estão incorrendo em ilícito administrativo. Exija o registro, é um direito do cidadão.
Guarde cópia de todos e leve à Vara de Família.
Abraços
Elpídio
Elpídio
Participante Atuante
 
Mensagens: 723
Registrado em: Qua Nov 08, 2006 10:45 am
Localização: Vila Velha E.S.


Voltar para GRUPO DE DISCUSSÃO

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 4 visitantes

cron